O risco cardiovascular traduz a probabilidade de vir a sofrer um evento cardiovascular grave: enfarte do miocárdio (“ataque cardíaco”), acidente vascular cerebral (AVC) e doença arterial periférica.

Medidas de estilo de vida:

De modo a diminuir o risco de poder vir a sofrer um evento cardiovascular grave, deve cumprir as seguintes recomendações:

  • Reduzir o consumo de sal (<5g/dia) e avaliar de modo regular os valores de tensão arterial, tendo como objetivo valores inferiores a 140/90 mmHg;
  • Limitar o consumo de álcool a, no máximo, 1-2 copos de álcool por dia;
  • No caso de ser fumador, reduzir ou (idealmente) deixar o consumo de tabaco;
  • Fazer exercício físico regular (por exemplo caminhadas ou outra atividade de que goste), pelo menos duas horas e meia por semana;
  • Pesar-se com regularidade e ter cuidados alimentares e de exercício adequados, de modo a tentar manter-se no peso ideal para a sua estatura;
  • Ter cuidados alimentares, de modo a manter os valores de colesterol controlados (segue em anexo um folheto com uma explicação mais detalhada dos cuidados alimentares referidos).

Texto de opinião de Jaime Oliveira, médico interno de formação específica em Medicina Geral e Familiar, na USF Odisseia (ACeS Grande Porto III – Maia/Valongo).