Paços de Ferreira

FC Paços de Ferreira distribui 5.000 euros pelos profissionais da cultura

José Rocha

02-05-2021

O valor foi angariado no intervalo da partida com o SL Benfica.

Foto: Telmo Mendes/FC Paços de Ferreira

A 10 de abril, o FC Paços de Ferreira perdeu por cinco bolas a zero em casa diante do SL Benfica. Contudo, a goleada averbada veio a revelar-se o aspeto menos importante da partida. Isto porque, durante o intervalo, o mini-concerto de David Bruno permitiu angariar 5.000 euros para a União Audiovisual, que distribuirá esse valor pelos profissionais da cultura, setor especialmente afetado pela pandemia da COVID-19. Esse montante será dividido por 50 vouchers de 100 euros.

Esta ação tratou-se da campanha "Solverde.pt – Artista de Bancada", resultante da parceria do FC Paços de Ferreira com a Solverde.pt, a cadeia de supermercados Pingo Doce e a Fundação do Futebol da Liga Portugal.

Foto: FC Paços de Ferreira

"O FC Paços de Ferreira viu as dificuldades que estava a ter com a falta de público, de apoio e também em termos de receita, e tudo isso é de lamentar. No entanto, o Paços lamenta, mas não fica parado em cima do lamento - tenta ver o que pode fazer e como pode superar uma situação ou uma fase menos boa. Foi isso que fizemos internamente, mas também achamos que devíamos e que tínhamos uma ferramenta interessante para ajudar outros sectores que estavam a passar pelas mesmas dificuldades - ou até maiores, porque nós ainda íamos funcionando e há sectores, como o audiovisual, que ficaram completamente parados: a comunicação social, o alcance conseguido por um clube da I Divisão Nacional", referiu Luís Barros, presidente adjunto do FC Paços de Ferreira, aquando da entrega dos vouchers à União Audiovisual, que teve lugar no Estádio Capital do Móvel.

Por sua vez, Hugo Costa, da União Audiovisual, reconheceu que o impacto desta iniciativa é “gigante”, uma vez que permite que seja dado mais apoio às famílias que têm procurado auxílio na aquisição de bens alimentares e de primeira necessidade. “A falta de palavras que as pessoas têm quando vão buscar os cabazes é a mesma que temos agora ao agradecer. Muito obrigado! Este gesto vai trazer conforto e, acima de tudo, é o saber que ninguém se esqueceu, ninguém fica para trás, e estamos cá todos quando pudermos trabalhar novamente”, afirmou.

Através de comunicado, o FC Paços de Ferreira mostra-se "agradavelmente satisfeito com o que foi possível conseguir através desta campanha, esperando melhorar o dia-a-dia das famílias que vão poder agora mitigar algumas dificuldades, e continuará atento e fiel ao seu papel no âmbito da responsabilidade social – uma das bandeiras da instituição".