Felgueiras

Município de Felgueiras quer "diversificar, alargar e aumentar o valor dos apoios escolares"

José Rocha

26-04-2021

Fique a par das novidades para o ano letivo 2021/22.

A Câmara Municipal de Felgueiras vai efetuar alterações nos apoios para a educação e formação para o próximo ano letivo, estando previsto um aumento de 30% do valor dos apoios da ação social escolar e um alargamento dos apoios a mais cerca de 15% dos alunos. Através de comunicado, a autarquia faz notar "os apoios aos alunos da rede pública de ensino variam de acordo com os níveis de ensino de escolaridade obrigatória e o escalão de rendimentos".

Estes apoios serão atribuídos através da medida “ Cheque Escolar”, que permite a opção entre “Kit cadernos de atividades”, “kit de material escolar” e “kit de material de desporto”. À semelhança de anos anteriores, os encarregados de educação poderão ainda inscrever os seus educandos nas “ Refeições Escolares” e “Prolongamento de Horário”.

As inscrições nas medidas de apoio decorrem entre 14 de maio e 16 de julho de 2021 no site do Município de Felgueiras, que promete para breve a publicação das orientações sobre a forma como poderão ser submetidas.

Foto: Município de Felgueiras

Já os apoios relacionados com “Lanche Escolar”, “Fruta e leite Escolar” e “Visitas de Estudo” são operacionalizadas diretamente com os agrupamentos de escolas e continuarão em vigor para todos os alunos dos Jardins de infância e 1.º ciclo do Ensino Básico, sem necessidade de inscrição prévia.

Mantem-se ainda a gratuitidade do “ Transporte Escolar” para todos/as alunos/as que cumpram os requisitos e estejam abrangidos/as pela escolaridade obrigatória.

Por último, em 2021/2022, está prevista a continuidade das “Medida de Apoio para o Ensino Artístico” através da celebração do Protocolo de Colaboração com o Conservatório de Música de Felgueiras e das “Bolsas de Estudo para o Ensino Superior”.

O presidente da Câmara Municipal de Felgueiras, Nuno Fonseca, salienta que "diversificar, alargar e aumentar o valor dos apoios a atribuir, num ano particularmente difícil como este, devido aos efeitos da pandemia no tecido social, será mais uma resposta que permitirá dar continuidade ao trabalho de consolidação dos eixos da educação e formação enquanto pilares estratégicos do desenvolvimento social e económico concelhios".