Castelo de Paiva

Construção da Loja do Cidadão de Castelo de Paiva perto de arrancar

José Rocha

05-05-2021

Saiba mais detalhes.

Foto: Município de Castelo de Paiva

A Câmara Municipal de Castelo de Paiva deliberou numa reunião do executivo municipal realizada recentemente a adjudicação da obra da Loja do Cidadão, serviço ficará sediado nas instalações do Palácio da Justiça. Nos próximos dias, será assinado o contrato e a consignação da obra, orçada em cerca de 355 mil euros (financiada por fundos comunitários em 85%).

"Prosseguindo uma política local de descentralização, que tem vindo a ser implementada com sucesso, o objetivo destes espaços, enquadrados na reforma da Administração Pública, será potenciar uma nova dinâmica junto dos cidadãos, numa organização territorial mais racional e próxima, e, ao mesmo tempo, conseguir economias de escala, reduzir custos e melhorar o atendimento, garantindo um serviço de proximidade", relata em comunicado o município paivense.

Foto: Município de Castelo de Paiva

Gonçalo Rocha, presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva e da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, destaca as vantagens que os cidadãos da região poderão ter através deste espaço, em particular pela "facilidade e simplicidade" de acesso a serviços importantes da administração pública. Até pelo "atendimento digital personalizado que proporciona", o qual promove também "a literacia digital da população".

No entender do autarca, "é fundamental ter uma administração publica mais ágil e mais próxima, facilitar a vida às pessoas, procurar corresponder às suas necessidades e reforçar os serviços públicos já existentes". "Este projeto é marcado pela inovação e proximidade, estando assegurado um passo importante para ser garantido um atendimento de qualidade à população", referiu.

Refira-se que as Lojas do Cidadão passarão a ser geridas pelos municípios e não pela Agência de Modernização Administrativa, que apenas definirá e coordenará a rede. Esta integra vários tipos de serviços, tais como finanças, segurança social, centros de emprego e conservatórias.