Esta segunda-feira, dia 28 de fevereiro, terá lugar a sessão de encerramento do Grupo Operacional “Valorização da Cereja de Resende”, que decorrerá no Salão Nobre da Câmara Municipal de Resende.

Na sessão serão apresentados e discutidos os principais resultados e conclusões deste projeto que iniciou em 2018. “Com vista à disseminação dos conhecimentos resultantes dos trabalhos de investigação, será feita uma mostra de vídeos técnicos produzidos ao longo do projeto, abordando temáticas como a fertilização, a rega, o rachamento, o controlo de pragas e doenças entre outros”, foi explicado em comunicado.

Fruto deste trabalho, será também apresentado o Manual de Boas Práticas da Cultura da Cerejeira em Resende.

Aprovado no âmbito do PDR 2020, este grupo operacional para a valorização da produção da cereja de Resende e posicionamento da sub-fileira nos mercados teve como base a criação de condições para melhorar a capacidade competitiva da produção de Cereja de Resende, a sua adaptação, certificação e integração no mercado.

O projeto do Grupo Operacional “Valorização da Cereja de Resende” foi liderado pela UTAD – Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, em parceria com a Câmara Municipal de Resende; a Dolmen; a Multiplosfrutos, Lda; a Cermouros, Lda e ainda os produtores de cereja, Fernando Vieira Pinto, António Lopes e Armindo Pinto Barbosa.