Os Bombeiros Voluntários do Marco de Canaveses alcançaram o objetivo da edição de 2021 da campanha “Quartel Eletrão” e receberam uma nova viatura ligeira de combate a incêndios.

A informação foi anunciada esta quinta-feira, dia 10 de fevereiro, referindo que a corporação conseguiu reunir um total de 161.172 toneladas de resíduos. Em concreto, recolheu 3.837 lâmpadas, 156.711 toneladas de Resíduos de Equipamentos Elétricos e Eletrónicos e 625 kg Resíduos de Pilhas e Acumuladores. “É um recorde absoluto! Também conseguimos recolher mais nas lâmpadas e nas pilhas”, afirmou o presidente da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Marco de Canaveses, João Monteiro Lima, explicando que cada tonelada recolhida corresponde a cerca de 75 euros.

“É muita coisa que deixou de estar nos montes. Quem pratica desporto vê, muitas vezes, frigoríficos, TV, entre outros abandonados nos montes, se calhar, destas 161 toneladas, algumas das coisas iam para lá”, continuou, referindo que “também há aqui a vertente de consciencializar as pessoas” e, “em simultâneo, ajudar os bombeiros”.

“Hoje é um dia feliz para os bombeiros do Marco, é um dia feliz para o Marco de Canaveses e para a região, não só porque os bombeiros do Marco ganharam esta viatura no ‘Quartel Eletrão’, mas também porque, com esta atitude que os marcoenses e as pessoas amigas dos bombeiros, as empresas, o município, as juntas, todos os que nos ajudaram contribuiu para termos um ambiente melhor. Também por isso é um motivo de regozijo e de estarmos todos satisfeitos por termos alcançado o objetivo”, comentou.

João Monteiro Lima destacou ainda o “trabalho enorme” dos bombeiros “que se empenharam desde a primeira hora nesta campanha”, tendo percorrido diversos concelhos para fazer recolha de material. Desta forma, os padrinhos desta nova viatura “serão os bombeiros do Marco e os marcoenses”.

“É importante continuarmos a apostar na recolha destes materiais, porque, para além da tal verba que as associações ganham e da vertente ambiental, qualquer viatura que vá para um corpo de bombeiros, seja do Marco seja qualquer outro, vai reforçar o serviço que esse corpo de bombeiros presta, portanto, é sempre bom fazer essa recolha e essa entrega de material nos bombeiros”, acrescentou, sublinhando que as pessoas podem continuar a entregar nos bombeiros, nas juntas de freguesia do concelho e na Câmara Municipal os materiais.

O comandante Sérgio Silva referiu que “é mais um veículo e novo para o combate a incêndios rurais”. “Para os bombeiros foi uma fonte de motivação este agregar da comunidade marcoense, empresas, município, presidentes da junta, população em geral. Depois tivemos que dar braço a todos este esforço que foi carregar os contentores que foram imensos, mas, efetivamente, os bombeiros estão de parabéns e a comunidade marcoense está de parabéns com este resultado”, declarou.

Além da nova viatura, foi atribuída a quantia de 12.088 euros, que será canalizada para a compra de equipamentos de proteção individual para os operacionais.

“Conseguir com o conjunto angariado retirar, se calhar, ao meio ambiente este tipo de material que, por vezes, ia ser colocado num sítio que não era tão adequado e depois conseguirmos também outra questão que era, para além de um veículo, conseguimos ter dinheiro que nos dão por tonelada”, disse.

A ação “Quartel Electrão” é um projeto de cariz social de apoio cívico às Associações Humanitárias de Bombeiros Voluntários e tem como objetivo envolvê-las no esforço global de sensibilização das suas comunidades e da população em geral para o encaminhamento adequado dos equipamentos elétricos, pilhas e baterias, lâmpadas e embalagens usados para reciclagem e valorização.