Publireportagem

Saiba porque escolher o ISCE Douro para estudar

Ana Magalhães

09-06-2021

Veja o testemunho de quatro alunas do ISCE Douro.

O Instituto Português de Ciências Educativas do Douro (ISCE Douro) está localizado em Penafiel e tem à disposição dos alunos quatro licenciaturas, nomeadamente: Produção de Conteúdos Interativos e Multimédia, Desporto, Educação Básica e Educação Social. Veja, a seguir, o testemunho de quatro alunas, uma de cada curso, sobre o ISCE Douro.

Vânia Matos, 30 anos, Amarante, Licenciatura de Desporto

“Escolhi este curso porque, apesar do meu início académico ter sido noutra área, o desporto sempre fez parte da minha vida. Após vários anos a trabalhar numa área que não era de todo a que ambicionava, decidi que não era tarde para investir no que realmente gostava, mais precisamente na licenciatura em Desporto, área onde me vejo a trabalhar no futuro.

Escolhi esta instituição, primeiramente, porque me foi indicada por familiares que já cá estudaram e me deram muito boas referências, tanto a nível do ensino praticado como da proximidade que existe entre docentes e discentes. E depois também pelo facto de ser perto. Nesta licenciatura, apesar da crise pandémica que atravessamos, o que limita alguns processos de aprendizagem, o corpo docente deste curso tem feito um esforço incrível para que todo o conhecimento nos seja passado, o que tem despertado em mim ainda mais gosto por esta área. O que mais me tem agradado é mesmo a amplitude das várias áreas que temos abordado, o que ajuda que a minha escolha a nível profissional seja ainda maior no futuro”.

Filipa Ferreira, 20 anos, Penafiel, Licenciatura de Educação Social

“A escolha deste caminho começou quando tive a disciplina de Educação de Cidadania e Área de Projeto. Foi então que comecei a gostar bastante da ideia de um possível futuro ligado à educação e também à sociedade. O fim do secundário traz a decisão de escolher o que seguir e nem sempre é fácil. Acabei por encontrar a oportunidade de estudar no ISCE Douro, no Ctesp de Serviço Familiar e Comunitário.

Uma aventura muito enriquecedora que me abriu ainda mais horizontes e vontade de aprender. Depois dos dois anos a frequentar o Ctesp, achei que fazia sentido ter mais formação e, então, estou a frequentar a Licenciatura em Educação Social. O que mais estou a gostar desta licenciatura é o facto de saber que vou poder trabalhar com a comunidade em geral, com todas as faixas etárias, promovendo o desenvolvimento das pessoas.

Estudar dentro da nossa cidade é incrível e o ISCE Douro tem a magia de se tornar rapidamente na nossa nova e confortável casa. O facto de ser uma universidade com turmas pequenas é, para mim, uma enorme vantagem. Permite-nos conhecer e integrar-nos com todos os nossos colegas e possibilita também que a relação com os professores seja muito mais próxima. Estudar e viver em Penafiel é crescer numa outra casa que será nossa para sempre. Sou muito grata a esta Instituição pela oportunidade que me deu”.

Márcia Amaral, 21 anos, Paços de Ferreira, Licenciatura de Produção de Conteúdos Interativos e Multimédia

“Desde cedo que o mundo do cinema e fotografia me chamou bastante à atenção, então, no meu décimo ano, optei por seguir para um Curso Técnico Profissional de Audiovisuais. No entanto, enquanto fazia o curso, descobri uma grande paixão por outras áreas que não eram tão exploradas, como o Design. Então, na altura em que terminei o secundário, ponderei entre trabalhar e tirar licenciatura de Multimédia, para aprofundar mais os meus conhecimentos e abrir novos horizontes para a aprendizagem.

Entrei na universidade e acabei por mudar, porque a que frequentava não me deixava satisfeita e, ao procurar outras, cruzei-me com o ISCE e fiquei instantaneamente interessada. Fiz uma entrevista com a coordenadora de curso, ao sair, percebi que aquele instituto seria uma ótima escolha para mim, pois sentia que iria crescer de forma profissional, mas também pessoal. O que me agrada mais, definitivamente, é a relação entre os docentes e os alunos. O aluno tem liberdade de expressão e criativa e também um à vontade para conversar com qualquer professor, sendo mesmo escutado. No ISCE, definitivamente, ouvem a nossa voz e impulsionam cada um a procurar a melhor versão de si”.

Isabel Sousa, 21 anos, Lousada, Licenciatura Educação Básica

“Existem pessoas que nascem com o sentimento de predisposição para o ensino, creio que sou uma delas. Revejo-me, em poucas palavras, naquela criança que adorava aprender, da minha primeira professora, que me fascinava excecionalmente. Recordo-me que em vários momentos, imaginava um dia ser como ela. Sem dúvida que a profissão docente é não só transmitir conhecimentos, como também ter a possibilidade de desenhar sonhos e horizontes, onde, por vezes, existe apenas uma profunda escuridão.

O meu percurso académico tem sido uma multiplicidade de conhecimentos, aprendizagens e intersubjetividades ligadas a uma construção pessoal, numa experiência de formação em exercício, onde o presente, o passado e o futuro se encontram e articulam de forma integral. O ISCE Douro veio dar resposta às necessidades de formação superior existentes na região do Tâmega e Sousa, e, por isso, devo realçar, no meu caso, a excelente localização geográfica. De igual forma, esta instituição tem um corpo docente excelente e qualificado, bem como novas e agradáveis instalações onde decorrem as atividades letivas.

Creio que, sendo um projeto inovador, reúne todas as condições para responder aos desafios colocados, onde todos os alunos obtêm uma resposta adequada aos seus interesses e necessidades. Sem dúvida que pertencer ao ISCE Douro é pertencer a uma comunidade aberta e viver uma experiência extraordinária, onde somos diariamente estimulados para um desenvolvimento e enriquecimento tanto curricular como pessoal, uma instituição que se caracteriza verdadeiramente pela capacidade de nos faz sentir em casa”.