Assinala-se esta segunda-feira, dia 26 de setembro, um ano das eleições autárquicas. Em Castelo de Paiva, José Rocha passou a assumir a liderança da câmara municipal e foi também na assembleia municipal e nas Juntas de Freguesia de Sobrado e Bairros, Fornos e São Martinho de Sardoura que o PSD venceu.

“Neste dia queremos, por isso, agradecer a todos os que acreditaram na mudança e votaram em nós assim como a todos que nas listas da câmara, assembleia municipal e assembleias de freguesia aceitaram dar a cara por nós e acreditaram no nosso projeto”, refere o partido em comunicado enviado à imprensa.

José Rocha, presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, “destaca o grande empenho dos seus vereadores José António Vilela e Liliana Vieira e sabe que a expectativa dos paivenses é muito grande” e acredita e “acha natural que alguns paivenses possam achar que se podia fazer mais neste primeiro ano”. “Também gostava de ter feito mais. Mas relembra que se passaram apenas 11 meses, e encontramos uma total descoordenação municipal e uma inexplicável ausência de projetos. Tivemos de começar do Zero. E isso naturalmente faz com demoremos mais tempo. Dou como exemplo a processo de descentralização da Educação e Saúde do Governo para o município. Não havia uma linha, uma orientação, um documento, uma conversação. Tivemos que fazer tudo do Zero! O mesmo se pode dizer em relação ao Saneamento, Gestão de recursos hídricos, etc., etc. Zero foi o que recebemos do anterior executivo”, completou.

O autarca sublinhou que “pode demorar mais tempo”, mas que todos os dias se empenha para que, no final do mandato, possam dizer e os paivenses reconhecer, “que Castelo de Paiva mudou”. “É esta a nossa convicção, é este o nosso desafio”, concluiu.