Esta quinta e sexta-feira, dias 22 e 23 de setembro, vai decorrer o primeiro simpósio a nível nacional sobre rewilding (renaturalização sendo o termo mais idêntico em Portugal), promovido pela Rewilding Portugal em parceria com o município de Cascais, através da Cascais Ambiente.

O evento vai ter uma vertente presencial, na Quinta do Pisão, em Cascais, que é por convite e que já se encontra lotada, mas vai ser transmitido de forma integral e gratuita online em direto nas várias redes sociais da Rewilding Portugal. Quem estiver a assistir pode colocar questões.

Estes dois dias vão ser dedicados ao rewilding, ao restauro ecológico, à conservação da natureza, ao potencial económico destas abordagens e ao futuro do ordenamento do território e das áreas protegidas e parques naturais, informa um comunicado da organização.

Há vários painéis de especialistas já confirmados, nomeadamente: Raquel Filgueiras (Rewilding Europe), Jordi Palau (Fundación Española de Renaturalización), Henrique Miguel Pereira (iDiv e CIBIO/BIOPOLIS), Humberto Rosa (Comissão Europeia), Pedro Prata (Rewilding Portugal), Jaime Fagúndez (Universidade de Corunha), Helga Soares (Agência Integrada de Fogos Rurais), Francisco Moreira (CIBIO), Carlos Albuquerque (ICNF), João Melo (Cascais Ambiente), Joaquim Teodósio (SPEA), Ana Salomé (Symington Family Estates), João Meneses (BCSD Portugal) e Catarina Roseta Palma (ISCTE).