As previsões apontam para a descida do preço dos combustíveis a partir da próxima segunda-feira, dia 15 de agosto.

O preço do gasóleo terá uma uma redução de três cêntimos por litro e o da gasolina de dois cêntimos. A descida, a confirmar-se, será a décima consecutiva na gasolina e a oitava no caso do gasóleo.

Na base desta descida está a desvalorização da cotação do Brent. O barril custa atualmente menos de cem euros.

Os preços nas bombas continuam a beneficiar até ao final de agosto de três medidas de mitigação implementadas pelo Governo. O desconto no ISP equivalente a uma descida da taxa do IVA dos 23% para 13%, a compensação por via de redução de ISP da receita adicional de IVA, e a suspensão da atualização da taxa de carbono baixaram em 28,2 cêntimos a carga fiscal do gasóleo e em 32,1 cêntimos a carga fiscal da gasolina.

O preço final na bomba depende de cada posto de abastecimento, da marca e da zona onde se encontra.