O prazo para os empregadores entregarem à segurança social os pedidos de apoio excecional à família, relativos à segunda semana de contenção, decretada em janeiro, devido ao fecho das escolas, termina hoje.

Em causa estão as empresas cujos trabalhadores tiveram de ficar em casa para prestar assistência aos filhos com idade inferior a 12 anos de idade, entre 2 e 9 de janeiro, devido ao encerramento das escolas, em resultado das restrições decretadas pelo Governo para conter a pandemia de COVID-19.

Leia o artigo na íntegra em sicnoticias.pt.