A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Norte, no âmbito de uma investigação em curso, deteve um indivíduo fortemente indiciado pela prática de vários crimes de roubo, furtos qualificados e detenção de arma proibida.

O ora detido fazia parte de um grupo, desmantelado em junho do ano passado, cuja atividade visava, essencialmente, roubos e furtos em postos de abastecimentos de combustíveis.

Entre novembro de 2020 e junho do ano passado, de forma praticamente ininterrupta, este grupo levou a cabo dezenas de roubos e furtos qualificados, com grande violência, destruindo montras e arrancando grades, nas áreas de serviço da A1, A3, A4, A7, A11, A25, A28 e A29, mas também em outros estabelecimentos comerciais e supermercados, onde era subtraído, principalmente, dinheiro e tabaco, não hesitando em disparar contra as autoridades quando eram abordados.

O arguido, de 33 anos, sem qualquer atividade profissional, com antecedentes criminais por crimes do mesmo tipo, que se encontrava em fuga desde aquela data, foi agora localizado e detido, tendo na sua posse uma arma de fogo municiada.

Presente a primeiro interrogatório judicial, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.