A Polícia Judiciária (PJ) está a realizar buscas nas instalações do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) por todo o país, nomeadamente em Lisboa, Porto, Faro e Coimbra.

As investigações “estão a ser direcionadas para as deslocações das ambulâncias, os trabalhos executados pelos funcionários, os horários e as presenças”, referem os meios de comunicação nacionais.

Em comunicado, o INEM confirmou que “estão a decorrer diligências por parte do DIAP de Lisboa nas instalações do INEM a nível nacional, no âmbito de denúncias anónimas relacionadas com matérias de recursos humanos e contratação pública.

“Nenhum profissional do INEM foi constituído arguido”, afirma o INEM, referindo que se encontra “a colaborar com as Autoridades, disponibilizando toda a documentação solicitada para que, com tranquilidade, possa ser analisada”.

A investigação da PJ está a cargo da Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC).