A Infraestruturas de Portugal publicou em Diário da República o concurso para o desenvolvimento do Projeto de Execução do lanço do IC35 entre Rans e Entre-os-Rios, em Penafiel.

Este troço vai ter uma extensão de cerca de 12 quilómetros e vai desenvolver-se entre Rans, com início numa nova rotunda a construir, e a rotunda dos Bombeiros Voluntários de Entre-os-Rios, ao quilómetro 40 da EN106. Vai constituir-se como “uma alternativa mais segura e rápida à atual EN106, desviando da estrada nacional o tráfego de longo curso e veículos pesados”, indica um comunicado da IP.

Este empreendimento é promovido no âmbito do Plano de Recuperação e Resiliência – Componente C7, que contempla investimentos rodoviários “com vista a adequação da capacidade da rede rodoviária, reforçando as acessibilidades aos grandes corredores e às interfaces multimodais de modo a potenciar os investimentos já realizados nas infraestruturas conexas”.

A duplicação da EN15 entre Paredes e Penafiel, com ligação ao Nó da A4 em Penafiel, que é o primeiro troço do IC35, já está em execução. Agora, esta intervenção dá seguimento à concretização deste itinerário entre Penafiel e Entre-os-Rios, que a IP vai desenvolver “de forma faseada”.

A construção do troço do IC35 – Penafiel (EN15) / Rans vai arrancar este ano, estando a empreitada, no valor de 5,5 milhões de euros, em fase de contratação.