A Verdade1

A proposta do CDS que define a suspensão da devolução dos manuais escolares entregues aos alunos no ano letivo 2019/2020 foi aprovada pelo Parlamento esta terça-feira, dia 30 de junho.

De acordo com esta proposta, “fica suspensa a obrigatoriedade de devolução dos manuais escolares gratuitos entregues no ano letivo 2019-2020, a fim de serem garantidas as condições de recuperação das aprendizagens dos alunos, a ter lugar no início do ano letivo de 2020-2021”.

Esta medida, apesar de ter votos contra do PS, foi implementada graças aos votos favoráveis dos restantes partidos, integrando o conjunto de alterações à proposta de Orçamento do Estado Suplementar que começou a ser discutida esta terça-feira.

Texto: Joana Vieira, aluna estagiária da UFP