Um homem de 51 anos foi constituído arguido, na segunda-feira, dia 4 abril, por aliciamento de menores para fins sexuais, no concelho de Paredes.

De acordo com um comunicado da GNR, no âmbito de uma denúncia pelo crime de aliciamento de menores para fins sexuais, os militares da Guarda identificaram um homem que, “junto de um estabelecimento escolar, deixava bilhetes com mensagens despropositadas dirigidas aos jovens”.

“Atendendo à gravidade do crime em causa e atendendo à segurança de toda a comunidade escolar, foram encetadas diligências para identificar o local específico onde os bilhetes eram depositados e, através de uma vigilância de militares que trajavam à civil, foi possível identificar em flagrante o suspeito e apreender dois bilhetes manuscritos”, refere o comunicado.

O suspeito foi constituído arguido e os factos remetidos ao Tribunal Judicial de Paredes.