A Câmara Municipal de Paredes vai atribuir 100 bolsas de estudo, referentes ao ano letivo 2021/2022, a alunos residentes no concelho, representando um investimento de 54.750 euros.

As candidaturas para as bolsas, direcionadas a diferentes escalões de ensino, abrem na próxima segunda-feira, dia 21 de fevereiro, e decorrem até 31 de março.

Aos estudantes do ensino secundário público será atribuído um total de 60 bolsas, distribuídas equitativamente pelo 10.º, 11.º e 12.º anos, enquanto que o ensino superior público e privado contará com 23 bolsas. Por sua vez, os alunos do ensino técnico superior profissional público e privado, terão duas bolsas disponíveis.

Os operacionais ou filhos de operacionais de bombeiros voluntários e delegações da Cruz Vermelha de Paredes, que frequentam o ensino superior, contarão com a atribuição de 15 bolsas de estudo. O valor de cada bolsa a atribuir é de 1.250 euros para operacionais de bombeiros voluntários e delegações da Cruz Vermelha, 1.000 euros para filhos de operacionais de bombeiros e delegações da Cruz Vermelha. Os alunos do ensino superior recebem 1.000 euros, do ensino técnico superior profissional recebem 500 euros e, por último, o ensino secundário recebe 200 euros.

Os alunos interessados podem fazer a candidatura no Balcão Único da Câmara Municipal de Paredes ou nos Serviços Online.

As regras de candidatura podem ser consultadas no regulamento.