Neste Dia Mundial do Turismo, esta terça-feira, dia 27 de setembro, o município de Felgueiras anunciou que vai avançar com o projeto “Levadas de Jugueiros”.

Em comunicado, a autarquia que esta obra conjuga “a preservação, valorização e fruição do património ambiental, histórico e cultural e a eficiência energética com o desenvolvimento turístico, contribuído para robustecer a oferta dos produtos turísticos Turismo de Natureza e Turismo Cultural e Paisagístico”.

Nuno Fonseca, presidente da Câmara Municipal de Felgueiras, salienta que “é nesta conformidade que o município de Felgueiras prossegue a sua visão estratégica, a sua missão e valores para o desenvolvimento sustentável do turismo”. “Celebramos o Dia Mundial do Turismo com projeto e boas práticas quando o desafio é ‘Repensar o Turismo’, numa orientação para as pessoas, para o crescimento sustentável, para a inclusão e resiliência. É, por isso, com muita satisfação que divulgamos, nesta data carregada de simbolismo, que vai avançar para execução do projeto ‘Levadas de Jugueiros’, com uma comparticipação de 80%, de subsídio não reembolsável de 159.971,59 euros, num valor de investimento elegível de 199.964.49 euros”, explica.

Joel Costa, vereador com o Pelouro do Turismo, acrescenta que “trata-se de um projeto que conjuga a preservação, valorização e fruição do património ambiental, histórico e cultural e a eficiência energética com o desenvolvimento turístico, contribuído para robustecer a oferta dos produtos turísticos Turismo de Natureza e Turismo Cultural e Paisagístico”.

“O local a intervencionar é um hino à natureza, em face da atratividade e pureza do património ambiental e do valor histórico e cultural que integra. Para além de ser um ativo ambiental, paisagístico e arqueológico com forte potencial, só por si, para constituir um ponto de atratividade turística, tem uma forte integração/complementaridade com rotas importantes, salientando-se as do Românico e do Caminho de Torres (caminho de Santiago); património arqueológico como a Cimalha e a Villa Romana de Sendim; as Aldeias de Portugal do Burgo e de Codeçais; os Percursos Pedestres de Vila Fria/Pombeiro; Santa Quitéria, em fase de beneficiação, e o centro histórico de Felgueiras já regenerado”, pode ler-se.

O município destaca ainda a sinalização e interpretação de todo o percurso, a criação de observatórios de natureza, a intervenção da Ponte de Travassós, a limpeza e beneficiação da Calçada de Lourido e da Calçada das Barrias e a criação de uma Zona de Descanso/Lazer nas Barrias, com pontes.

Foram estabelecidos acordos de cooperação com a Junta de Freguesia de Jugueiros, com a Associação da Casa do Povo de Jugueiros e a Salta Fronteiras Associação e acordos amigáveis com consortes de levadas/privados para limpeza e requalificação das margens dos rios Bugio e Ferro, permissão de passagem dos pedestrianistas e instalação de equipamentos dos observatórios de natureza e zona de descanso/lazer.