A Câmara Municipal de Felgueiras acolheu, no dia 23 de fevereiro, um grupo de 11 professores e 30 alunos oriundos da Finlândia, Lituânia, Sicília, Turqui e Roménia, no âmbito do projeto internacional Erasmus+ “Against Online Slavery”, organizado pelo Agrupamento de Escolas de Idães.

Na receção, que aconteceu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, a vereadora com o pelouro da Educação, Ana Medeiros, salientou a importância destes intercâmbios. “É da maior relevância estabelecer pontes entre a comunidade educativa local e quem nos visita. Estes programas permitem-nos dar ferramentas aos jovens para que eles vivenciem experiências distintas e fiquem a conhecer outras realidades”, disse.

A autarca fez uma breve apresentação do concelho e convidou todos os presentes a visitarem-no. “Espero que a riqueza natural e patrimonial do concelho vos motivem a voltar com os vossos familiares num futuro próximo”, concluiu.

Este intercâmbio tem ainda o propósito de abordar a importância da internet na vida das pessoas e alertar para as dependências que daí resultam, assim como a desinformação – fake news, realidade incontornável na nossa atualidade e que face à velocidade que a informação circula, a desinformação pode causar um grande impacto com consequências graves se não for travada.