O ano letivo iniciou em Baião a 16 de setembro e com algumas novidades. Entre elas a disponibilização, por parte da autarquia, de atividades lúdico-pedagógicas no ensino pré escolar, após o período letivo.

Esta medida permite aos mais pequenos “enriquecerem o seu crescimento através da música, da educação física e da hora do conto, com o acompanhamento de professores”, informa um comunicado da autarquia. Para além disso, também os assistentes técnicos e operacionais foram devidamente capacitados e com material adequado para “proporcionar a essas crianças um acompanhamento mais enriquecedor”.

Em Baião, a Educação continua “no topo das prioridades da autarquia, que garante o funcionamento da escola a tempo inteiro, com o prolongamento de horário para os pais que trabalham, mesmo durante as pausas letivas”

As Atividades de Enriquecimento Curricular, o transporte escolar e as refeições para todos os alunos, assim como o programa de regime de fruta e leite escolar, no pré escolar e primeiro ciclo, continuam a ser implementadas. O município coloca à disposição das escolas os equipamentos e proporciona aos alunos da Educação Especial e da Sala de Ensino Estruturado aulas de equitação terapêutica e hidroterapia, bem como terapia assistida por cão. 

Para o Desporto Escolar, na modalidade de canoagem, disponível para os três agrupamentos escolares, continua a ser prestado o apoio, ao nível do transporte, para os treinos e para as competições, sendo também fornecidos equipamentos para a prática desportiva.

Anabela Cardoso, vereadora responsável pelo Pelouro da Educação, sublinha “a importância do projeto pela envolvência que propõe e pelo desafio que representa na perspetiva de um futuro cada vez melhor para os baionenses”. Baião foi “o primeiro concelho português certificado como ‘Destino Turístico Sustentável'” e esta é, segundo a autarca, “uma bandeira” que orgulha e que querem “continuar a erguer”, conscientes de que estão “a seguir o caminho certo para o futuro de todos e, em particular, das novas gerações”.

Ainda no âmbito da Sustentabilidade, continua em desenvolvimento o projeto Eco Escolas, em parceria com os três agrupamentos do concelho, o Agrupamento de Escolas de Vale de Ovil, o Agrupamento de Escolas do Sudeste de Baião e o Agrupamento de Escolas de Eiriz. Este projeto tem o objetivo de “promover a melhoria do Ambiente, encorajando e premiando as boas práticas e contribuindo para a alteração, no sentido positivo e responsável, de comportamentos ambientais nas diferentes gerações”.

Durante as próximas semanas, a vereadora vai realizar visitas aos agrupamentos escolares, de forma a conhecer as obras que foram realizadas durante a pausa letiva de Verão, aproveitando também para avaliar, com os responsáveis dos estabelecimentos de ensino, “se é necessário ajustar alguma situação no âmbito da intervenção da câmara municipal”. Ao mesmo tempo, irá fazer “o ponto de situação sobre o novo modelo de aquisição das refeições e pagamento do prolongamento de horário no pré-escolar e primeiro ciclo, que foi implementado este ano e que usa a mesma plataforma dos agrupamentos escolares”.