Motores

Navegadora de Marco de Canaveses estreia-se no Rali Terras D’Aboboreira

José Rocha

28-04-2021

“Foi um convite inesperado, mas que me deixou muito feliz”, reconhece Bia Pinto, jovem natural de Bem Viver.

Foi em 2015, no Rali União de Alpendorada, que Beatriz Pinto – conhecida no mundo dos ralis como ‘Bia’ Pinto – fez a sua estreia oficial no desporto automóvel, concretizando um sonho de criança. Desde esse rali ao lado do piloto marcoense Rui Fonseca, Bia Pinto nunca mais parou de progredir na sua carreira, sobretudo depois de, em 2018, ter integrado a equipa leiriense RTS Rally Team, onde navegou o piloto Pedro Santos no Campeonato Centro de Ralis.

Agora, a jovem navegadora natural de Bem Viver, no concelho de Marco de Canaveses, vai concretizar outro sonho de uma vida, ao estrear-se no Rali Terras D’Aboboreira, disputando alguns dos troços de terra mais emblemáticos da sua região-natal, assim como nos concelhos de Amarante e Baião.

“Foi um convite inesperado, mas que me deixou muito feliz”, referiu a jovem navegadora, que, entre outros resultados de relevo, já venceu o famoso RallySpirit Historic, em 2016. “O Vítor (Pinheiro) sempre quis fazer ralis e precisava de alguém para o ajudar nesta sua primeira aventura como piloto, onde terá de aprender tudo num curto espaço de tempo. Para mim é um desafio, mas é também um momento muito especial, porque vou poder disputar o meu primeiro rali de terra e logo na minha região, passando inclusive pelo Marco de Canaveses! O Vítor é de Amarante, por isso é uma prova com muito significado para os dois e vamos dar o nosso máximo, num rali que será muito difícil e exigente. Já fizemos os reconhecimentos e é provável que no fim de semana do rali apanhemos os pisos muito degradados, por isso o nosso grande objetivo será aprender o máximo e tentar chegar ao fim!”, concluiu Bia Pinto, que vai competir com um Nissan Micra na prova do Campeonato Norte de Ralis.

Saiba mais sobre o percurso de Bia Pinto aqui.