Mobilidade

Mais tecnologia renova família do Fiat 500

Ana Regina Ramos

08-02-2021

Confira as novidades para os modelos 500, 500X e 500L.

Foto: Fiat

A Fiat anunciou que a nova família 500, constituída pelo 500, 500X e 500L, foi totalmente modernizada com novos níveis de equipamento, novas cores e novos interiores.

A estrutura da gama também é nova, com os níveis de equipamento Cult, Dolcevita, Cross e Sport, disponíveis para as três versões.

O nível de equipamento ‘Cult’ é um tributo ao mundo ‘pop’ tipicamente 500, dirigido a quem procura estilo e um ícone que não comprometa o preço. Já o ‘Dolcevita’, exclusivo do 500, dirige-se a fãs de um estilo de vida glamoroso e inspira-se no modelo dos anos cinquenta, habitat perfeito do ícone Fiat desde 1957.

O ‘Cross’, apenas disponível nos modelos 500X e 500L, é o nível de equipamento perfeito para quem quer fugir da "selva urbana" e da rotina e viver aventuras fora da cidade com a família. Estes clientes preocupam-se com o próprio estilo de vida e procuram conteúdos de forte personalidade.

Por último, o nível de equipamento ‘Sport’ revela-se ideal para um público jovem, dinâmico e independente.

Estes níveis de equipamento podem ainda ser realçados com packs de acessórios específicos que incluem: o Pack Magic Eye, disponível no nível de equipamento Cross, que oferece sensores de estacionamento e câmara traseira, Pack Navi e Pack ADAS com Monitorização de Ângulos Mortos e Cruise Control Adaptativo, para quem pretende a mais recente tecnologia e segurança no próprio veículo; o Pack Comfort, disponível no Cult, Cross e Sport, que inclui ar condicionado automático e bancos ajustáveis, Pack Visibility com faróis dianteiros de Xénon, retrovisor eletrocromático e sensores de luz e chuva para clientes que desejam o melhor em termos de conforto quando estão ao volante; e o Pack Full LED, para quem procura um estilo único.

Para a nova gama 500, estão disponíveis os motores de 70 cv Hybrid e 1.2 69 cv GPL, ambos Euro 6D-Final, cujas encomendas abrirão em meados de fevereiro. A gama de motorizações para o 500X consiste em dois motores a gasolina – os Firefly 1.0 de 120 cv e 1.3 de 150 cv – e dois motores Diesel Multijet, o 1.3 de 95 cv e o 1.6 de 130 cv. O 500L está disponível com o motor a gasolina Euro 6D-Final 1.4 de 95 cv e o Diesel Multijet 1.3 de 95 cv.

O Fiat 500 é "símbolo do 'Made in Italy'", escreve um comunicado da marca. Viu 80% das suas vendas serem feitas fora de Itália e lidera o segmento dos citadinos na Europa, a par do seu irmão, o Fiat Panda.

A introdução da versão Hybrid – tanto no 500 como no Panda – "deu um impulso suplementar às vendas de ambos os modelos, que alcançaram o melhor resultado de sempre: em 2020, com base nos dados atualizados a novembro de 2020, a quota do mercado europeu do 500 e do Panda foi a maior alguma vez registada, 17,5% e 18%, respetivamente".

Já o novo 500X, "renovado para continuar a desempenhar um papel de protagonista", desde o lançamento, em 2014, "sempre liderou o próprio segmento em Itália, figurando regularmente no “top ten” europeu".

O 500L tem sido, desde 2012, "o veículo irreverente para as famílias modernas, combinando o icónico estilo 500 com a versatilidade do design ‘Made by Fiat’". "É líder do seu segmento em Itália pelo oitavo ano consecutivo, tendo ainda conquistado um lugar no pódio em nove outros países", conclui o documento.

A inspiração para esta nova fase vem das edições especiais Mirror, em 2018 - desenvolvida a pensar nos clientes que dão particular atenção à conectividade e nos que procuram as últimas tendências em infoentretenimento -, e a 120th, em 2019 - criada para comemorar o 120.º aniversário da marca, escrevendo um novo capítulo na história da conectividade.