Entrou em funcionamento esta segunda-feira, dia 6 de junho, a Estação Elevatória de Águas Residuais do Bairro do Pisão Novo, na freguesia de Sobretâmega, em Marco de Canaveses.

Assim, foi possível desativar em definitivo a fossa coletiva que servia o Bairro do Pisão Novo, explica um comunicado da autarquia.

Com esta medida, este local identificado “como passivo ambiental” e que comporta “riscos para a saúde pública, para o ambiente e/ou para a segurança de pessoas e bens”, está agora definitivamente eliminado, “estando dotado de todas as condições e padrões de sustentabilidade ambiental”.

“Trata-se do culminar do processo de desativação e eliminação definitiva dos dois maiores passivos ambientais de Sobretâmega, fossa da rua direita e fossa do Pisão Novo, e que em muito contribuirá para a melhoria futura da qualidade da água do rio Tâmega”, refere.

“Em conformidade com Objetivo 6: Água potável e saneamento dos ODS, a Câmara Municipal assume mais uma vez o compromisso em, alcançar o acesso a saneamento e higiene adequados e equitativos para todos, melhorar a qualidade da água, reduzindo a poluição, eliminando despejo e minimizando a libertação de produtos químicos e materiais perigosos e reduzindo a proporção de águas residuais não-tratadas”, conclui.