Marcador de Livros

Sugestão Literária: "Taprobana"

A Verdade

20-02-2021

Não perca a sugestão de Maria Manuel Magalhães.

Título: Taprobana
Autor: Eduardo Pires Coelho
Editor: Oficina do Livro

N.º de Páginas: 400

Sinopse:
Ernest Fonseka - médico e cientista do Sri Lanka a trabalhar em Portugal - é encontrado morto no momento em que vários dos seus pacientes terminais melhoram subitamente. A coincidência leva um alto funcionário da instituição, Rui Fernandes, a realizar um inquérito e a concluir que, na verdade, Ernest estava a testar um medicamento desconhecido, misteriosamente ligado à floresta do Sri Lanka.

No cerne do enigma está Mafalda de Castro, uma jovem mestiça que, em finais do século XVI, testemunhou os desencontros entre os vários reinos dessa ilha que se chamou Taprobana e assistiu à sua ocupação pelos Portugueses, para depois se apaixonar por um fidalgo.

A pesquisa dos documentos encontrados no apartamento de Ernest revelará factos surpreendentes; mas, no rasto desse segredo guardado há séculos, Rui não escapará a um turbilhão de acontecimentos e perseguições, nem ficará a salvo do perigo e das malhas do amor.

A minha opinião:

Quem me vem seguindo ao longo dos anos já reparou que romance histórico e thriller são os meus géneros favoritos, embora ultimamente tenho lido pouco romance historico...

Portanto, vi com bons olhos a saída de Taprobana, o novo romance de Eduardo Pires Coelho e li-o praticamente logo que o recebi.

Passado em duas épocas completamente diferentes, a actualidade e o século XVI, Taprobana conta-nos a história de um médico do Sri Lanka, com raízes portuguesas, Ernest Fonseka, que se encontra precisamente no nosso país, inserido num centro de investigação para doenças oncológicas.

A descoberta de uma possível cura, que estará relacionada com um medicamento desconhecido ligado à floresta do país de onde é oriundo, vai fazer com que muita gente queira saber a fórmula. Tal facto, leva a uma busca desenfreada pelos documentos do médico.

E é assim que viajamos entre Portugal, Sri Lanka, mas também entre séculos, para descobrir a origem da fórmula misteriosa. E é isso que torna o livro tão interessante.

Ao mesmo tempo que nos dá partes da história, até aqui desconhecidas para mim, Eduardo Pires Coelho faz-nos viver momentos muito bons com muito thriller à mistura, fazendo com que a leitura flua e não se torne enfadonha, como muitas vezes acontece em romances históricos.

Desconhecia que os portugueses tinham estado e combatido no Sri Lanka de forma a "implementar" a nossa cultura ao povo local, nem a importância que isso teve para nós. E gostei que o autor mostrasse os aspectos negativos e positivos da "estada" dos portugueses naquele loca. A história deve ser contada assim.

Para quem gosta de romances históricos e thrillers esta é, certamente, uma excelente leitura.