A rotina de trabalho de Liliana Martins como assistente administrativa esconde o gosto pela música que vem desde criança.

Em entrevista ao Jornal A VERDADE, a  jovem de 30 anos começa por recordar o momento em que a arte entrou na sua vida. “Desde pequenina que me lembro de gostar de música e, especialmente, de cantar. Tenho memórias na minha sala em que ensaiava uma música e depois chamava os meus pais para ouvir”, recorda.

Já a frequentar o sétimo ano, o professor de música, Alexandre Reis, preparava um concerto e ouviu “um timbre diferente. Perguntou várias vezes, mas como ninguém se acusava, eu não tinha coragem, pediu para cantarmos individualmente para descobrir quem era”, conta Liliana. 

A voz foi descoberta e era a da jovem natural de Figueiras, concelho de Lousada. O professor propôs-lhe inscrever-se num concurso inter escolas e aí começaram a “a trabalhar juntos”.

O concurso foi ganho por Liliana e seguiram-se outros tantos. “Inscrevi-me em vários na minha terra e num deles o prémio foi uma bolsa de estudo no conservatório Vale do Sousa, onde estudei formação musical, durante três anos e também tive aulas de canto”.

A música nunca mais saiu da vida de Liliana Martins, que não parou de cantar. “Comecei a fazer casamentos, música ao vivo e aos 17 anos entrei para a primeira banda em Macedo de Cavaleiros”, revela a jovem.

Esteve em mais duas bandas e foi conciliando com os casamentos e música ao vivo em bares, e percebeu que era “mais feliz quando estava nessas atuações, em que tinha mais contacto direto com o público”.

Por isso, decidiu criar o seu próprio projeto, o MusicArt, juntamente com o marido. É um projeto baseado “no amor, na união” e com foco nos casamentos, um dos dias “mais importantes na vida de cada um. Quando nos confiam esse trabalho, confiam-nos um sonho e nós dedicamo-nos a 100% para que seja o mais especial, único e irreverente”, frisa.

Liliana e Paulo são pais do Mateus, o menino “mais especial do mundo. Ele emana uma energia incrível e, sem dúvida, que desde que o tivemos, a inspiração fluiu. Falar sobre o Amor com eles é fácil”.

O menino de três anos “adora música, festa, gosta de ser o centro das atenções”. Não sabendo se um dia será cantor, Liliana acredita que tem um filho “cheio de talento”.

Para já os sonhos são muitos e os projetos musicais também. Liliana Martins estreou dois trabalhos originais e espera, “em breve”, lançar o primeiro álbum.