Os laboratórios Germano de Sousa foram alvo de um ataque informático, anunciou a CNN Portugal esta quinta-feira, dia 10 de fevereiro e caso já está a ser investigado internamente pelos laboratórios.

A empresa confirmou o incidente à estação televisiva e garantiu que os dados dos doentes não foram expostos, mas terá provocado “constrangimentos no contacto com postos de colheita, tendo sido cortada a partilha de informação com a CUF e outros hospitais”.

O ataque aos laboratórios ocorre poucos dias após um ciberataque à operadora Vodafone Portugal e ao grupo Trust in News, dono da revista Visão.