Um homem de 57 anos foi detido esta quinta-feira, dia 28 de julho, em flagrante, por incêndio florestal, no concelho de Marco de Canaveses.

Em comunicado, a GNR informa que, no seguimento de uma denúncia por incêndio florestal, os militares da Guarda “deslocaram-se de imediato para o local, culminando na detenção em flagrante do suspeito”. No decorrer da ação foi possível apurar-se que o suspeito “efetuou uma queima de sobrantes, que se descontrolou”.

O detido foi constituído arguido e os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial do Marco de Canaveses.