A Guarda Nacional Republicana (GNR) efetuou 418 detenções em flagrante delito, entre os dias 25 e 31 de março, no âmbito de um conjunto de operações que visaram a prevenção e o combate à criminalidade e à sinistralidade, em todo o território nacional.

Em comunicado, a GNR explica que as operações incidiram também na fiscalização de diversas matérias de âmbito contraordenacional. Entre as detenções, destaca e detenção de 155 condutores por condução sob o efeito de álcool; 81 por condução sem habilitação legal. Ainda 37 pessoas por tráfico de estupefacientes, 17 por violência doméstica, 14 por furto e roubo, 13 por posse de arma proibida e quatro por incêndio florestal.

O mesmo comunicado indica que no âmbito das operações, a GNR procedeu também à apreensão de 1882,79 doses de haxixe; 280 doses de MDMA; 208,1 doses de heroína, 90,75 doses de cocaína, 35,43 doses de liamba, seis armas brancas, três veículos e 489 artigos contrafeitos.