A GNR constituiu arguido um homem de 36 anos e recuperou um telemóvel que tinha sido furtado, no concelho de Amarante, no passado dia 11 de fevereiro.

Em comunicado, a GNR explica que, “no âmbito de uma queixa por furto de telemóvel, ocorrido no concelho de Penafiel, no dia 11 de fevereiro, os militares da Guarda efetuaram diligências policiais que culminaram na identificação do suspeito, um homem de 36 anos”. No seguimento da ação policial, o telemóvel furtado foi recuperado e entregue à sua legítima proprietária.

O suspeito foi constituído arguido e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Amarante. A ação contou com o reforço do Posto Territorial de Amarante.