Os militares da GNR do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Penafiel apreenderam esta terça-feira, dia 11 de janeiro, duas armas proibidas, tendo ainda constituído dois arguidos, um homem e uma mulher, de 39 e 36 anos, respetivamente, no concelho de Paredes.

De acordo com o Comando Territorial do Porto, e no âmbito de uma investigação de ameaças com recurso a arma branca, os militares efetuaram diligências policiais “que culminaram com a realização de uma busca domiciliária, onde foi possível apreender um bastão artesanal e uma catana”, foi referido.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos comunicados ao Tribunal Judicial de Paredes.

A ação contou com o reforço de um binómio cinotécnico do Destacamento de Intervenção (DI) do Porto e do Posto Territorial de Penafiel.