A abertura do procedimento do concurso público para a reabilitação da EB 2,3 de Sobrado, localizada na União de Freguesias de Sobrado e Bairros, foi aprovada com um orçamento de 1.871.843,48 euros aprovado em reunião ordinária do Executivo Municipal de Castelo de Paiva.

A obra será financiada pelo Programa Norte 2020 em 85% e o restante, 15% será comparticipado pelo município de Castelo de Paiva. O município explica que “o projeto em causa diz respeito à reabilitação dos vários blocos existentes na estrutura escolar, e o prazo de execução da empreitada será de 365 dias, a contar desde a assinatura do auto da consignação da obra”.

A Câmara Municipal de Castelo de Paiva aguarda procedimentos do concurso público para poder avançar com a reabilitação que dará lugar a um Centro Escolar.

O presidente da Câmara Municipal, José Rocha, mostrou-se “satisfeito” com o arranque do concurso para empreitada de reabilitação da antiga Escola Básica 2,3 de Castelo de Paiva, “uma vez que é urgente a sua requalificação, tendo em conta a necessidade de melhorar as condições” deste estabelecimento de ensino, que pertence ao Agrupamento de Escolas de Castelo de Paiva, “nomeadamente ao nível das instalações e equipamentos adequados, dispondo de espaços modernos e atrativos, favorecedores da ação educativa e da concretização da oferta formativa, beneficiando alunos, docentes e pessoal auxiliar, o que pressupõe uma comunidade escolar mais feliz e com melhor sucesso educativo”.

De recordar que o Agrupamento de Escolas de Castelo de Paiva, com sede numa zona de expansão urbana, definida no PDM, está localizado junto aos principais equipamentos desportivos da vila, integrando para além do Pré-Escolar e 1º Ciclo, os 2º e 3º Ciclos e o ensino secundário.