Decorre, de 21 a 27 de junho, a campanha de sensibilização “Cinto-me vivo”, inserida no Plano Nacional de Fiscalização de 2022.

Dirigida pela ANSR – Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, GNR – Guarda Nacional Republicana e PSP – Polícia de Segurança Pública, esta campanha visa alertar condutores e passageiros para a importância de utilizarem sempre, e de forma correta, os dispositivos de segurança”, comunicou a GNR.

A campanha “Cinto-me vivo” vai integrar ações de sensibilização em todo o território nacional e ilhas, assim como ações de fiscalização, principalmente em vias de acessos com elevado fluxo rodoviário.

As ações de sensibilização vão ocorrer no dia 21 de junho, às 14h00, na Praça Duque de Saldanha, Lisboa; dia 22 de junho, às 08h00, na EN125, quilómetro 89,9, Rotunda das 4 Estradas, Albufeira; dia 23 de junho, às 09h30, na Rua Zeca Afonso (alternativa: Rua Cidade de S. Paulo), Beja; dia 24 de junho, às 08h00, na EN18, Penha, Portalegre; dia 27 de junho, às 10h00, na Avenida 1.º de Maio, Paivas, Seixal.

A ANSR, a GNR e a PSP relembram que a utilização dos dispositivos de segurança é fundamental e apelam a todos para que os utilizem de forma correta. Em causa, referem a utilização sempre de uma cadeirinha homologada, devidamente instalada, e adaptada à altura e peso da criança; a utilização sempre do cinto de segurança, em todos os lugares do veículo, e em todos os percursos, mesmo nos de curta distância; e a utilização do capacete de modelo aprovado, devidamente ajustado e apertado.

Texto redigido com o apoio de Francisco Pinto, aluno estagiário da Escola Superior de Educação de Viseu.