A Polícia Judiciária realizou a Operação “Fim do Muro”, relacionada com o combate às burlas efetuadas com recurso à aplicação MB Way. Em causa estão “ilícitos praticados entre 2019 e a presente data, com valor de fraude superior a 210 mil euros, estando identificadas cerca de 60 vítimas”.

Em comunicado, a PJ refere que foram detidos recentemente dois homens de 20 e de 36 anos no âmbito desta operação. Foram efetuadas sete buscas domiciliárias e quatro em viaturas, resultando na detenção de dois homens e na apreensão de telemóveis, aparelhagem de som, televisões e diversa documentação, “indiciária da atividade ilícita deste grupo”.

Os detidos vão ser presentes às autoridades judiciarias competentes, para interrogatório e aplicação das medidas de coação.

Esta operação constituiu a segunda fase de ação operacional, ocorrida em maio de 2021, tendo na ocasião sido detidos dez suspeitos.

A operação foi realizada através da Unidade Nacional de Combate ao Cibercrime e à Criminalidade Tecnológica – UNC3T.