O renovado Mosteiro de Santo André de Ancede, em Baião, recebe, entre os dias 6 e 8 de maio, o evento cinematográfico aDouro – O Douro no Cinema de Manoel de Oliveira, que irá homenagear o cineasta, diretor e roteirista português Manoel de Oliveira.

Um evento que será recheado de cultura e entretenimento, terá a sua abertura oficial às 21h00 de dia 6 e contará com um Cine concerto da primeira obra do cineasta português “Douro – Faina Fluvial”, estreada em 1931, assim como “O Pintor e a Cidade”. Esta adaptação musical será feita pelos Sensible Soccers.

O aDouro vai contar com um conjunto de atividades que passam desde o artesanato e música até à gastronomia e vinhos. O acesso é gratuito embora tenha limite de lotação, informa um comunicado da autarquia.

A iniciativa para o renascer deste monumento histórico tem o apoio da Câmara Municipal de Baião, do programa Garantir Cultura e da cooperativa Dolmen.

Confira o programa completo:

6 de maio –
21h00 – Abertura Oficial do Evento
21h30 – Cine concerto – “Douro Faina Fluvial” e “O Pintor e a Cidade”, de Manoel de
Oliveira musicado pelos Sensible Soccers

7 de maio –
15h30 – Atuação do Rancho Folclórico de Baião e da Associação Sociocultural de Santa
Maria de Frende
18h30 – Concerto com a Orquestra de Jazz do Douro
21h30 – Filme “O Estranho Caso de Angélica”, de Manoel de Oliveira

8 de maio –
15h00 – Atuação da Associação Cultural e Recreativa de Santa Cruz do Douro e da
Associação Danças e Cantares de Gestaçô
15h30 – Talk – “O Douro no Cinema de Manoel de Oliveira”, com a presença de Paulo
José Miranda, António Preto e Joel Cleto
17h00 – Concerto com Grupo de Música Tradicional Portuguesa – Andarilhos
18h00 – Filme “Vale Abraão”, de Manoel de Oliveira

Texto redigido com o apoio de Francisco Pinto, aluno estagiário da Escola Superior de Educação de Viseu.