No próximo sábado, dia 26 de março, a Câmara Municipal de Baião vai assinalar o Dia do Município que, este ano, será celebrado em Santa Marinha do Zêzere. 

Refira-se que as comemorações desta data foram instituídas em 2017, numa iniciativa conjunta da Câmara Municipal e da Assembleia Municipal de Baião. O dia oficial é 24 de março, mas será assinalado no sábado seguinte. “24 de março é considerado  como o Dia do Município devido ao documento em que a palavra ‘Baião’ aparece pela primeira e que remonta a 1066. Neste dia celebra-se a identidade de um território e de um povo, manifesta-se amizade, carinho e gratidão. No fundo, celebra-se Baião”, foi referido.

Entre as celebrações previstas para dia 26 de março, a partir das 15h00, destaque para a atuação da Banda da Casa do Povo de Santa Marinha do Zêzere e da Banda Marcial de Ancede.

Será também apresentado um documentário sobre o Dia do Município, assim como um vídeo sobre Joaquim Nogueira, baionense e o único construtor de concertinas do país, que fará  uma atuação conjunta com o seu filho Ruka Nogueira. Para o efeito, será apresentada, pela primeira vez, uma concertina especialmente construída para o Município de Baião.

As intervenções estarão a cargo dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal de Baião.

Ainda neste âmbito, e devido à pandemia da COVID-19, não foi possível realizar as cerimônias de Dia do Município em 2020 e 2021, sendo que este ano serão galardoadas várias personalidades e entidades, entre as quais algumas cuja distinção já tinha sido aprovada em 2020.

“A Câmara Municipal, conjuntamente com a Comissão de Distinções Honoríficas, propõe a atribuição de distinções honoríficas, como forma de reconhecimento a pessoas singulares ou coletivas que, na área do Município de Baião, fomentam e desenvolvem atividades de relevo e valor no âmbito cívico, cultural, desportivo, empresarial e social, e têm contribuído para o engrandecimento do nosso concelho e merecendo, por isso, uma homenagem digna e justa”, foi referido.

Neste dia, também serão atribuídas Medalhas de Distinção Profissional ao Serviço do Município para Funcionários da autarquia, no ativo ou aposentados, com 35 ou mais anos de serviço e entre os 25 e 34 anos de ligação à autarquia.

A Comissão de Distinções Honoríficas, constituída em 2019, é composta por dez personalidades da sociedade civil, de áreas como a Cultura, o Ensino, a Saúde ou o Associativismo.