A Associação Nacional da Indústria Extrativa e Tranformadora (ANIET) vai promover a pedra portuguesa na cidade de Verona, em Itália, durante o evento da MARMOMAC, de 27 a 30 de setembro.

O objetivo é “levar mais além o nome da pedra portuguesa e das empresas do setor”, na “maior feira mundial do setor, que todos os anos recebe milhares de visitantes, sendo, por isso, uma oportunidade única de divulgar o que de melhor se faz em Portugal”, explica nota de imprensa da ANIET.

A ANIET é “uma associação empresarial e de utilidade pública, representativa das minas e pedreiras de rocha industrial e ornamental, quer na sua vertente extrativa, quer transformadora dos minerais industriais”.

“Portugal é um país com minerais únicos e de grande variedade e com empresas qualificadas para colocar a nossa pedra nas melhores obras e monumentos do mundo. Queremos apoiar a internacionalização e a exportação, desenvolver uma campanha de comunicação e imagem sobre a importância do setor e tornar possível, a todos os nossos associados, a sua integração numa economia circular. Daí a presença na MARMOMAC, pois entendemos que é uma excelente oportunidade de mostrar o nosso produto e proporcionar networking às nossas empresas”, refere Jorge Mira Amaral, presidente da ANIET.

A ANIET irá marcar presença no certame com um stand no Hall 11 (stand A3), onde irá dar a conhecer “o potencial da pedra portuguesa a arquitetos e designers internacionais”, no No âmbito do projeto “Portuguese Stone The Natural Path”, enquadrado num SIAC (Sistema de Incentivo a Ações Coletivas) de Internacionalização e financiado pelo Compete2020.

A MARMOMAC é “dedicada a toda a cadeia produtiva da pedra, da extração ao produto final, das tecnologias e das máquinas às ferramentas. A feira é atualmente o principal hub internacional dos protagonistas do setor”, informa nota de imprensa da ANIET.

Texto redigido com o apoio de Daniela Lenchyna.