O Vodafone Rally de Portugal volta a marcar a história do WRC – World Rally Championship e vai ser o anfitrião da estreia em pisos de terra de uma nova geração de automóveis híbridos, de 19 a 22 de maio. 

No total, a edição 2022 do Vodafone Rally de Portugal assenta num percurso de 1.535,35 quilómetros, dos quais 343,30 são disputados ao cronómetro, num total de 22 classificativas, no Norte e Centro do país. A edição deste ano vai ter ainda três super-especiais (Coimbra, Lousada e Porto).

Nesta 55ª edição da prova organizada pelo Automóvel Club de Portugal, o primeiro dia é dedicado ao Shakedown do Rally de Portugal, que, mais uma vez, volta a realizar-se em Baltar/Paredes, e também à Super Especial de Coimbra.

O dia 20 de maio será marcado pela passagem em quatro classificativas do centro do país: Lousã, Góis, Arganil e Mortágua, especiais que serão percorridas por duas vezes (com exceção de Mortágua), antes da viagem ao Norte, onde, ao final da tarde, tem lugar a Super Especial de Lousada.

Já no dia 21 de maio, acontecem duplas passagens pelas classificativas de Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto e Amarante, esta última com partida de Mondim de Basto. De regresso ao final do dia, a Super Especial do Porto.

No último dia do WRC Vodafone Rally de Portugal, os concorrentes têm pela frente uma dupla passagem por três troços: Felgueiras, Montim e Fafe e, a exemplo dos últimos anos, a segunda passagem pela Especial de Fafe volta a ter o estatuto de Power Stage.

O Vodafone Rally de Portugal é a quarta prova do calendário do Mundial de Ralis e, em competição, estarão também as categorias WRC2, WRC2 Junior, WRC3, WRC3 Junior, bem como o Campeonato de Portugal de Ralis, a Peugeot Rally Cup Ibérica e a Toyota GAZOO Racing Iberian Cup.

Para além da vertente desportiva, o Vodafone Rally de Portugal assinala as celebrações dos 50 anos do WRC, com programa a anunciar brevemente.

Saiba mais no site oficial do evento.