A Câmara Municipal de Cinfães anunciou que vai concessionar seis escolas primárias desativadas, com o objetivo de “atrair investimento para Cinfães e dinamizar económica e socialmente o concelho”.

Desta forma, encontra-se aberto, a partir do dia de hoje e pelo período de 40 dias consecutivos, o concurso público para a concessão de exploração dos edifícios das antigas escolas primárias de Alhões, Ameal, Escamarão, Pindelo, Ramires e Vila Chã.

Segundo a autarquia, o objetivo “é que aí se instalem e desenvolvam atividades, equipamentos ou serviços ligados ao turismo e lazer, comércio, restauração e indústria artesanal”.

O programa de procedimento e caderno de encargos estão disponíveis no serviço de atendimento da Câmara Municipal e no site do Município.