A 2ª edição da Bolsa “Capital Humano em Saúde” selecionou 12 projetos para passar à fase seguinte da iniciativa, entre eles o da ACES – Tâmega || Vale de Sousa Sul.

Subordinada ao tema “Redesenhar a Cultura Organizacional do ACES Vale do Sousa Sul”, a bolsa “Capital Humano em Saúde”, é uma iniciativa da Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares [APAH], que conta com a consultoria técnica da Nobox e o apoio da Gilead Sciences, com o objetivo de “reconhecer e potenciar o capital humano do Serviço Nacional de Saúde [SNS], dotando os seus profissionais das competências necessárias para que promovam uma mudança positiva nas suas realidades, em particular no domínio da liderança da dimensão humana”, refere em comunicado. 

Todas as candidaturas foram avaliadas, pela Direção da APAH, e conforme Regulamento selecionadas para a fase seguinte – Bootcamp preparatório, as seguintes 12 instituições: ACeS Grande Porto VI – Porto Oriental, ACeS Tâmega II – Vale do Sousa Sul, Centro Hospitalar do Médio Ave, Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Central, Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte [1], Hospital de Braga, Hospital Distrital da Figueira da Foz, Hospital Espírito Santo de Évora, Hospital Senhora da Oliveira de Guimarães, Instituto de Oftalmologia Dr. Gama Pinto, Instituto Português de Oncologia de Coimbra e Unidade Local de Saúde de Matosinhos.