Esta terça-feira, dia 1 de março, chegaram a Lviv, 20 ucranianos que abandonaram Portugal para ajudarem as suas famílias e o seu país a lutarem contra a invasão russa.

De acordo com a SIC Notícias, as informações da escalada do conflito, bem como o uso de armas proibidas por parte do inimigo, aumentou a ansiedade entre o grupo nos últimos quilómetros da longa viagem de autocarro. “Não há tempo a perder numa viagem que já leva 40 horas de estrada. Pela frente, a Hungria serve-lhes os últimos quilómetros em solo seguro”, foi referido.

A chegada à fronteira faz-se já madrugada adentro e ainda os planos na Ucrânia estão em construção. Não estão sozinhos. Na fila para entrar, estão também autocarros com ucranianos vindos de Espanha e França. Todos sujeitos a horas de revista.

Pode ler a notícia completa na SIC Notícias.